Home / Política / Azevêdo promete concursos para 4 mil professores na PB

Azevêdo promete concursos para 4 mil professores na PB

Compartilhe:

Ao ser entrevistado em João Pessoa, o candidato ao governo do Estado pelo PSB, João Azevêdo prometeu concursos para 4 mil professores da rede estadual da Paraíba. Segundo ele, a proposta é realizar um concurso a cada ano da gestão, sendo mil novas vagas por ano.

“Paraíba viverá gestão sem perseguição”, declara Lucélio

Além de abordar questões referentes aos servidores públicos, nas quais também prometeu concursos para Aesa e Procuradoria-Geral do Estado (PGE), João Azevêdo defendeu uma política de investimentos na educação, com ampliação de projetos existentes, na gestão fiscal do governo da Paraíba e de como a postura política do governador da Paraíba interferiu na relação direta com o governo federal. 
entrevista ao JPB 1ª Edição nesta terça-feira (11), que iria implantar em Campina Grande, João Pessoa e Patos centros de monitoramento para evitar, por meio da tecnologia e inteligência, casos como a fuga dos detentos da Penitenciária de Segurança Máxima Romeu Gonçalves Abrantes, o PB1.

Ao conceder entrevista pelo JPB 1ª Edição,  o candidato explicou que existe a necessidade de aprimoramento da segurança pública. “Por isso que temos o nosso plano, porque segurança pública se faz com homens bem treinados, e se faz, acima de tudo, com inteligência. É necessário que se tenha investimento”, declarou.
Para o candidato, é preciso investir em uma política de segurança nacional, interligando os órgãos de inteligência dos estados. 

PB AGORA

Leia mais notícias da política

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe um Comentário

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.