Home / Política / Cássio quebra silêncio e fala de derrota após 32 anos de mandato

Cássio quebra silêncio e fala de derrota após 32 anos de mandato

Compartilhe:

Derrotado nas últimas eleições, o senador Cássio Cunha Lima (PSDB), quebrou o silêncio e de forma discreta falou ao jornal O Globo da sua não recondução para a próxima legislatura no Senado Federal.

+ Pesquisa: Bolsonaro tem 54% dos votos válidos; Haddad, 46%

Com 32 anos de mandatos eletivos, o senador tucano segundo o Globo, ficou surpreso com o resultado, pois liderou as pesquisas de intenção de votos durante toda a campanha.

Para ele, houve um movimento que pegou no eleitorado, de não querer renovar o mandato de ninguém, independentemente do desempenho dos atuais mandatários.

Diante da derrota, Cássio disse que encarou o resultado com naturalidade e não chorou.

Em um vídeo postado nas redes sociais, um dia após as eleições, Cássio agradeceu aos paraibanos que votaram nele, e garantiu que mesmo sem mandato vai continuar trabalhando pela Paraíba.

Veja a matéria na íntegra: Políticos refletem sobre os motivos pelos quais não foram reeleitos

PB AGORA

Leia mais notícias da política

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe um Comentário

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.