Home / Política / Dois municípios de MG e um do TO realizam eleições para prefeito neste domingo

Dois municípios de MG e um do TO realizam eleições para prefeito neste domingo

Compartilhe:

Os eleitores das cidades mineiras de Conceição do Rio Verde e Antônio Dias e de Itacajá, no Tocantins, voltarão às urnas amanhã (3) para eleger prefeitos e vice-prefeitos em novas eleições. Nesses municípios, as eleições de 2016 para os cargos foram anuladas pela Justiça Eleitoral porque o candidato que recebeu a maioria dos votos válidos teve o registro de candidatura indeferido. A votação ocorrerá das 8h às 17h, no horário local.

+ TSE vai implantar voto impresso em 30 mil urnas eleitorais em 2018

O Código Eleitoral prevê que devem ocorrer novas eleições sempre que houver, independentemente do número de votos anulados e após o trânsito em julgado, decisão da Justiça que acarrete o indeferimento do registro, a cassação do diploma ou a perda do mandato de candidato eleito em eleições majoritárias (para presidente, governador ou prefeito). As instruções para a realização dessas eleições são estabelecidas por cada Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

O indeferimento do registro de Willian Robson Marques Fraga (Pros), eleito prefeito de Antônio Dias, se deu em razão de sua condenação por improbidade administrativa. Concorrem à prefeitura, neste domingo, Amarildo Rocha (PTC), Andrea Gláucia (Pros), Cléber Mata (PDT), Benedito Lima (PSDB) e Eliane Castro (PT).

A condenação por improbidade administrativa também resultou no indeferimento do registro de candidatura de Adilson Gonçalves de Oliveira Paganelli (PTC), candidato mais votado em Conceição do Rio Verde. Amanhã, disputam o cargo Eloiza Paganelli (PV) e Pedro Paulo (PR).

Em Itacajá será realizada nova eleição porque Manoel de Souza Pinheiro (PSDB) foi impedido pela Justiça Eleitoral de ser empossado. A Câmara de Vereadores rejeitou as contas de quando ele foi prefeito da cidade, entre 2009 e 2012. Concorrem ao cargo neste domingo Cleoman Costa (PR), o próprio Manoel Pinheiro (PSDB), que disputa o pleito suplementar amparado por uma liminar, e Raimundo Coelho (PT).

Eleição suspensa

Já a eleição suplementar que estava marcada em Ibitiúra (MG), também para este domingo, foi suspensa. O pleito havia sido determinado pelo TRE de Minas Gerais em razão da cassação do diploma do prefeito José Tarciso Raymundo por ilegalidade na campanha eleitoral. Entretanto, na última terça-feira (28), o Tribunal Superior Eleitora (TSE) determinou, em decisão liminar do ministro Jorge Mussi, o retorno do prefeito e a suspensão das eleições até que o TRE julgue e publique o recurso de embargos de declaração apresentado pelo cassado.

AGÊNCIA BRASIL

Leia mais notícias em catoleagora.com

Siga a página Catolé Agora no Facebook

Para anúncios ou informações: WhatsApp (83) 9.9676-1272

 

Veja Também

Ex-presidiário é morto a tiros na noite desta segunda-feira em Caicó

De acordo com as primeiras informações que chegam a reportagem do Blog Jair Sampaio, no início ...

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.