Home / Geral / Fiat Uno, Palio e Grand Siena entram em mais um recall por ‘airbags mortais’

Fiat Uno, Palio e Grand Siena entram em mais um recall por ‘airbags mortais’

Compartilhe:

A Fiat Chrysler (FCA) anunciou nesta sexta-feira (3) um recall de 80 mil unidades dos modelos Uno, Novo Palio e Grand Siena, ano 2012, que estão equipados com airbags frontais que podem lançar fragmentos metálicos contra os passageiros quando acionados.

+ WhatsApp limita encaminhamento de mensagens para combater fake news

Relacionado a mais de 20 mortes no exterior, o problema foi descoberto a partir de componentes fabricados pela japonesa Takata e causou o maior recall da indústria automotiva.

Só no Brasil são mais de 2 milhões de carros. Até maio, mais da metade ainda rodava com o airbag defeituoso pelas ruas brasileiras.

Chassis envolvidos

  • Uno (2012) – 301621 a 397281
  • Novo Palio (2012) – 016977 a 088434 (produção Brasil) e 000071 a 006570 (prod. Argentina)
  • Grand Siena (2012) – 000381 a 034446

A partir da segunda-feira (6), os proprietários devem agendar em uma concessionária a verificação e substituição gratuita, se necessário, dos módulos dos airbags frontais.

De acordo com a fabricante, o problema ocorre quando o veículo é exposto a variações elevadas de temperatura e umidade por longos períodos.

O reparo gratuito deve levar cerca de 2 horas. Para mais informações, é possível entrar em contato por meio do telefone 0800 707 1000.

Em janeiro, a Fiat já havia convocado 13 mil unidades dos mesmos modelos

O defeito

O escândalo dos “airbags mortais”, da fabricante japonesa Takata, foi descoberto 5 anos atrás. No Brasil, o caso ganhou destaque a partir de 2014. De lá pra cá, dezenas de recalls, de pelo menos 15 marcas, foram convocados. Veja a lista completa.

O defeito é na vedação de um componente chamado insuflador. Com a falha, o airbag acaba explodindo ao ser acionado, projetando fragmentos metálicos contra os ocupantes.

Por este motivo, alguns ferimentos foram confundidos com facadas ou tiro. Em todo o mundo, são mais de 30 milhões de veículos chamados para recall, com 22 mortes e quase 200 feridos. Não há registros de mortes no Brasil.

G1

Deixe um Comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.