Home / Brasil / Filha suspeita de matar a mãe foi influenciada por cena de novela
Reprodução/RecordTV Rio

Filha suspeita de matar a mãe foi influenciada por cena de novela

Compartilhe:

A jovem Pâmela Botelho, 21 anos, suspeita de matar a mãe com ajuda do namorado, teria se inspirado em uma cena da novela “Segundo Sol”, da Rede Globo, para praticar o crime. Essa informação foi dada pelo delegado André Prates, da 105ª DP (Petropólis), com base no depoimento da jovem.

+ Após 13 anos, polícia prende mais um foragido do assalto ao Banco Central de Fortaleza

Segundo a polícia, Dircelene Botelho Garcia, 51 anos, foi morta na cidade de Petrópolis, no Rio de Janeiro, logo após a exibição do capítulo no último dia 02. A filha aplicou uma injeção de ar em uma veia do pulso da mãe, assim como fez a vilã da trama ao assassinar seu capanga.

Ainda de acordo com o investigador, a dupla forjou a cena do crime para parecer morte por causas naturais, mas o plano foi descoberto através das imagens das câmeras de segurança. Em entrevista à RecordTV Rio, Prates disse que o casal usou formol para deixar a vítima desacordada. Em seguida, eles tentaram aplicar injeções de ar para que ela morresse, mas as aplicações não fizeram efeito. Os suspeitos então colocaram a vítima dentro de um saco plástico fechado com fita adesiva e Dirce morreu sufocada.

O crime seria motivado por herança e Pâmela foi encaminhada para o sistema prisional. Carlos Ramos, advogado da acusada, disse ao R7 que a defesa só vai se manifestar nos autos do processo. 

R7

Leia mais notícias do Brasil

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe um Comentário

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.