Home / Destaque / Macaé surpreende e vence o Flamengo pela primeira vez na história

Macaé surpreende e vence o Flamengo pela primeira vez na história

Compartilhe:

O Macaé aproveitou o fato de o Flamengo escalar um time praticamente reserva e venceu o rival por 1 a 0, neste sábado, no estádio Claudio Moacyr, o Moacyrzão.

+ Vasco derrota o Madureira e fica perto da vaga na semifinal da Taça Rio

O resultado foi importante para a equipe da Região dos Lagos, que não só se fortaleceu na briga contra as últimas colocações do Campeonato Carioca, como também superou o Rubro-Negro pela primeira vez em sua história. Já os comandados de Carpegiani seguem com nove pontos e perderam a liderança do grupo B da Taça Rio para o Vasco.

O Flamengo dominou grande parte da partida, mas desperdiçou muitas chances de gol, principalmente no primeiro tempo. Na etapa complementar, o Macaé aproveitou os espaços deixados pelos adversários para, no contra-ataque, fazer o gol da vitória, com Lepu.

O jogo

 O Flamengo iniciou a partida em busca do ataque e criou a primeira chance de gol logo aos três minutos. Geuvânio cruzou para Léo Duarte, que cabeceou próximo ao gol. Os rubro-negros seguiram fortes na frente e quase abriram o placar aos sete, em chute de Trauco.

O Macaé tentava surpreender nos contra-ataques, mas errava muitos passes no setor ofensivo. O Flamengo chegava com facilidade no ataque e nova oportunidade aos 16 minutos. Vinícius Júnior foi lançado na área e chutou colocado, mas para fora.

Com o passar do tempo, os donos da casa melhoraram a marcação e impediram a criação de boas jogadas por parte do Flamengo. Mesmo tendo domínio da posse de bola, os rubro-negros pararam de levar perigo ao gol deLuís Cetín.

Somente no fim, o Flamengo conseguiu criar boa chance de abrir o placar. Aos 43 minutos, Geuvânio cruzou, Luís Cetín cortou para o meio da área e viu Vinícius Júnior pegar o rebote, mas chutar na trave. Assim, os rubro-negros tiveram que se contentar com a igualdade no intervalo.

No segundo tempo, o Macaé começou surpreendendo logo no primeiro minuto. Edinho recebeu passe na entrada da área e chutou próximo ao gol de Diego Alves. A resposta do Flamengo veio aos quatro, em chute de Geuvânio que passou por cima do travessão.

Ao contrário da etapa inicial, o Macaé adotou postura mais ofensiva e dificultava o Flamengo chegar ao ataque com facilidade. Tanto que os rubro-negros levaram perigo aos nove minutos, em chute de longe de Trauco, que parou em boa defesa de Luís Cetín. Depois, foi a vez de Willian Arão finalizar da entrada da área próximo ao gol.

Quando o Flamengo começou a dominar o confronto novamente, o Macaé aproveitou contra-ataque para abrir o placar, aos 19 minutos. Pipico lançou leu na área e o meia chutou cruzado, sem chance para Diego Alves.

Após o revés, os rubro-negros foram com tudo em busca do empate, mas viram o Macaé se fechar de vez. O Flamengo voltou a assustar aos 25 minutos, em chute de fora da área de Trauco que parou em mais uma defesa de Luís Cetín.

A situação piorou para os flamenguistas aos 27 minutos, quando Léo Duarte recebeu o segundo cartão amarelo e acabou expulso. Em seguida, o Macaé quase ampliou em cobrança de falta de Charles. Diego Alves estava atento para salvar os visitantes.

A expulsão desestabilizou o Flamengo, que ficou nervoso em campo. O Macaé passou a se aproveitar disso para cadenciar o confronto e criar boas jogadas. Em duas oportunidades, Pipico teve a chance de marcar. Na primeira, parou em grande defesa de Diego Alves. Na segunda, o atacante finalizou cruzado, perto da trave.

Nos minutos finais, o Flamengo ainda esboçou uma pressão, mas parou na marcação do Macaé, que conseguiu segurar o resultado para sair de campo com a vitória.

GAZETA PRESS

Leia mais notícias do Esporte

Veja outras notícias em catoleagora.com

Siga a página Catolé Agora no Facebook

Para anúncios ou informações: WhatsApp (83) 9.9676-1272

Deixe um Comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.