Home / Destaque / Mãe de criança morta atropelada tenta suicídio, em Cajazeiras

Mãe de criança morta atropelada tenta suicídio, em Cajazeiras

Compartilhe:

A senhora Fabiana Cardoso, 25 anos de idade, tentou por fim a sua própria vida ao ingerir uma grande quantidade dos medicamentos Cloridrato de Amitriptilina e Clonazepam, ambos antidepressivos e calmantes.

+ Jovem de 15 anos é morta a facadas e tem seio arrancado, em Tambaba

+ Paraíba tem média de três mulheres estupradas por semana

O fato ocorreu por volta das 11:40 deste domingo (16), no bairro dos Remédios.

Ao perceberem que Fabiana havia tomado todos aqueles medicamentos, amigos e familiares acionaram o SAMU, que socorreu a mesma para o HRC.

Já por volta das 21:30, Fabiana teve alta e voltou para casa e passa bem.

Fabiana Cardoso é mãe da pequena Maria Evellyn Cardoso Vieira, que morreu após ser atropelada por um caminhão na avenida Pedro Moreno Gondim, há pouco mais de um mês.

NOVA OPINIÃO E ÂNGELO LIMA

 

Veja outras notícias em www.catoleagora.com

Acompanhe também nossas notícias no Facebook.

WhatsApp: (83) 9.9676-1272

 

Veja Também

Homem é preso suspeito de assaltar agências dos Correios na Paraíba

Um homem suspeito de ter assaltado uma Agência dos Correios, na Rua Sólon de Lucena ...

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.