Home / Brasil / Polícia Federal faz operação contra roubos de carga em PE, CE e mais 4 Estados

Polícia Federal faz operação contra roubos de carga em PE, CE e mais 4 Estados

Compartilhe:

A Polícia Federal realiza nesta terça-feira (17) uma operação contra contra de roubos de carga em Alagoas e mais cinco estados. A operação denominada Transbordo cumpre 173 mandados judiciais expedidos pela 17ª Vara Criminal de Maceió. Estima-se que a organização criminosa tenha causado um prejuízo superior a R$ 8,6 milhões, só em relação a roubo de cargas e caminhões.

Justiça autoriza curitibana com tumor a cultivar maconha para uso medicinal próprio

A operação ocorre em Maceió, São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia, Ceará e Pernambuco.

No total, estão sendo cumpridos 106 mandados de busca e apreensão:

  • 47 em São Paulo
  • 36 na Bahia
  • 18 em Alagoas
  • 2 no Rio de Janeiro
  • 1 em Pernambuco
  • 1 no Ceará

Estão sendo cumpridos também 64 mandados de prisão:

  • 32 em São Paulo
  • 25 na Bahia
  • 11 em Alagoas
  • 2 no Rio de Janeiro
  • 1 em Pernambuco
  • 1 no Ceará

Além de três mandados de interdição de empresas envolvidas em receptação de mercadorias roubadas na cidade de São Miguel dos Campos, Litoral Sul de Alagoas.

+ Homem é encontrado sem vida dentro de cela na delegacia de Cajazeiras

Segundo a PF, a operação visa desarticular uma organização criminosa envolvida em crimes de furto e receptação de cargas e caminhões em diversos estados do Nordeste e Sudeste, valendo-se de falsas comunicações de crimes de roubo, além de adulteração de veículos, golpes em seguradoras e outros delitos.

A organização criminosa contava com a participação dos motoristas dos caminhões, que simulavam terem sido sequestrados por assaltantes, enquanto outros integrantes realizavam a desativação dos dispositivos de segurança do caminhão e a subtração da carga, sendo que ao final o motorista comparecia em um órgão policial para realizar falsa comunicação de crime.

A investigação foi realizada pela Superintendência da Polícia Federal em Alagoas, com o apoio da Polícia Rodoviária Federal durante as investigações.

G1

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.