Home / Policial / Preso treinador de futebol suspeito de estuprar adolescentes na PB

Preso treinador de futebol suspeito de estuprar adolescentes na PB

Compartilhe:

Um homem de 43 anos foi preso, na manhã desta quinta-feira (23), no Centro de Campina Grande, ao ser flagrado com documento falso e uso indevido de símbolos identificadores de órgãos públicos. O suspeito dizia ser treinador de futebol e também é apontado por estupro contra adolescentes com a promessa de que ele os ajudaria a se tornarem jogadores de futebol.

+ Estudante é detido portando réplica de pistola dentro de uma escola na PB

De acordo com as investigações, o suspeito se apresentava como treinador de futebol e chegou a criar uma empresa com o nome ‘Grupo Sandro Silva’, utilizando um CNPJ falso. Desde 2009, ele também fazia uso de identidade falsa, época em que chegou a ser preso por estupro de vulnerável contra quatro menores. Em 2015, ele passou a cumprir pena em regime semiaberto, indo para o presídio apenas durante a noite.

Porém, conforme a Delegacia de Repressão aos Crimes Contra a Infância e Juventude, houve uma nova denúncia de que o suspeito estaria praticando abuso sexual contra adolescentes, da mesma forma como tinha acontecido no ano de 2009.

Os policiais ouviram a vítima, investigaram as informações e passaram a monitorar o suspeito que, segundo as pessoas que procuraram a Delegacia, atraía os adolescentes com a promessa de que eles iam se tornar jogadores profissionais de futebol.

Após ser preso, o homem foi ouvido e levado para a carceragem da Central de Polícia, onde aguarda audiência de custódia. Segundo a polícia, como o suspeito já cumpria pena no regime semiaberto, a prisão em flagrante pode fazer com que ele perca o beneficio e cumpra o restante da pena no regime fechado.

PORTAL CORREIO

Leia mais notícias policiais

Veja outras notícias em catoleagora.com

Siga a página Catolé Agora no Facebook

Para anúncios ou informações: WhatsApp (83) 9.9676-1272

Veja Também

Ex-vereador do RN é assassinado na Paraíba

Um ex-vereador da cidade de Jaçanã, no Rio Grande do Norte, foi morto nesta sexta-feira ...

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.