Home / Brasil / Quadrilha rouba dinamites suficiente para explodir 10 mil caixas eletrônicos

Quadrilha rouba dinamites suficiente para explodir 10 mil caixas eletrônicos

Compartilhe:

Quatro homens armados com fuzis e pistolas dominaram um vigia, invadiram a unidade da empresa Pilar Química do Brasil, em Salto de Pirapora (SP), na noite de quinta-feira, 16, e roubaram 3 toneladas de explosivos. Outros três funcionários foram dominados e obrigados a transferir a carga – 124 caixas – para um caminhão-baú levado pela quadrilha. A dinamite levada é suficiente para explodir dez mil caixas eletrônicos, segundo um oficial especialista em explosivos do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Polícia Militar.

+ Polícia prende quadrilha com duas submetralhadoras e mais de 200 munições no CE

Oficiais do Exército, responsável pela fiscalização da comercialização e do transporte de explosivos, estiveram na empresa. O coronel Igor Boechat, chefe da seção de Comunicação Social do Comando Militar do Sudeste, disse que o Exército ajudará na busca pela carga de dinamite, que é uma das maiores já roubadas no País. “Uma quantidade tão grande pode causar muito estrago, mas também é mais difícil de esconder. Vamos colaborar com os órgãos da segurança pública para tentar reaver os explosivos.”

Segundo ele, em casos anteriores, houve evidências de que a dinamite foi parar nas mãos de quadrilhas de roubos a banco e empresas de valores. Só este ano, o Exército fez cinco operações para prevenir e reprimir os crimes envolvendo explosivos, em conjunto com o Estado.

Esse foi o segundo roubo de explosivos no interior paulista em menos de uma semana. No domingo, uma quadrilha invadiu uma mineradora em Santa Rosa do Viterbo e fugiu levando 50 quilos de dinamite. Em abril, criminosos roubaram um caminhão com 260 quilos de dinamite, em Nazaré Paulista, também no interior de São Paulo.

ESTADÃO

Leia mais notícias em catoleagora.com

Siga a página Catolé Agora no Facebook

Para anúncios ou informações: WhatsApp (83) 9.9676-1272

Veja Também

Laudo inocenta mãe da morte de bebê de três meses

Laudo emitido pelo Instituto de Polícia Científica (IPC) na tarde deste sábado (9) mostrou que ...

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.