Home / Entretenimento / Revista Sexy tem recorde de vendas com plus size Débora Porto: “tinha medo de não ser aceita”

Revista Sexy tem recorde de vendas com plus size Débora Porto: “tinha medo de não ser aceita”

Compartilhe:

A modelo Débora Porto bateu recordes de vendas da sua capa para a revista Sexy de maio. Porto foi uma das primeiras modelos a estrear uma capa seguindo o novo posicionamento do veículo, que agora aposta em modelos reais.

+ Carol Portaluppi brilha com biquíni e faz pergunta aos seguidores

Plus size, a moça é a primeira que foge dos padrões da ditadura da beleza a aparecer nas páginas da revista. “Lembro que eu ficava com frio na barriga para ver o resultado das fotos. Tinha medo de não ser aceita”.

Em comemoração ao sucesso da sua capa, Débora Porto reforça que deseja inspirar o amor-próprio em mulheres que têm corpos considerados fora dos padrões aceitos pela sociedade. “As pessoas dizem que posar nua pra mim é algo impossível, mas vejam ao topo onde eu cheguei”, fala sobre o aumento de vendas da sua publicação.

CO ASSESSORIA

*Fotos: Divulgação | CO Assessoria

 

Tawany Santos

CO ASSESSORIA DE IMPRENSA / PRESS OFFICER
+ 55 11 9 4622 6020 (WhatsApp)

Deixe um Comentário

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.