Home / Mundo / Acidente com ônibus que transportava aposentados deixa 13 mortos na Argentina
Foto: Osvaldo Ripoll/La Gaceta via AP

Acidente com ônibus que transportava aposentados deixa 13 mortos na Argentina

Compartilhe:

Um acidente com um ônibus nesta segunda-feira (1º) na cidade de La Madrid, na província argentina de Tucumán, deixou pelo menos 13 pessoas mortas. O número total de feridos não foi confirmado, mas pode ultrapassar 50, diz o jornal “La Nación”, dos quais 30 teriam ficado em estado grave.

Leia também: Homem que matou cinco filhos é condenado à morte nos EUA

O ônibus transportava um grupo de aposentados que tinha saído de Mendoza com destino à cidade turística de Termas de Río Hondo, na província de Santiago del Estero, a 60 km do local do acidente. O trajeto total era de cerca de 1.000 km.

Segundo testemunhas, a visibilidade quando o ônibus tombou era baixa devido a um nevoeiro. O acidente ocorreu por volta das 10 horas (horário local e de Brasília). Moradores locais afirmaram que nesse ponto já aconteceram vários acidentes em outras ocasiões.

A polícia da província, profissionais de saúde, bombeiros e peritos foram ao local do acidente, e um comissário regional da polícia, Marcelo Ibañez, afirmou que as causas do acidente ainda não são conhecidas. Ainda de acordo com ele, nem todas as vítimas eram aposentadas. Segundo o jornal “La Nación”, duas pessoas eram jovens que os acompanhavam.

O prefeito de La Madrid, Darío Herrera, explicou em entrevista à emissora “TN” que o acidente “foi muito grande” e que os feridos estavam sendo transferidos para hospitais da região, seguindo a EFE. De acordo com o político, a maioria de vítimas eram de Mendoza.

O governador de Tucumán, Juan Manzur, manifestou-se sobre o acidente no Twitter. “Lamentamos profundamente as vidas perdidas no trágico acidente que ocorreu esta manhã em La Madrid. Nós abraçamos as famílias das vítimas neste momento difícil”.

G1

Leia mais notícias do mundo

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.