Comer mais proteína vegetal reduz risco de morte

Uma nova pesquisa, publicada no The BMJ, mostra que dietas ricas em proteínas vegetais podem ajudar a manter os níveis de pressão arterial, colesterol e açúcar no sangue sob controle, reduzindo o risco de morte.

VEJA TAMBÉM:

Estudos anteriores já haviam demonstrado que dietas ricas em proteínas vegetais, como leguminosas (feijões e lentilhas), frutos secos, entre outros, reduzem o risco de diabetes, doenças cardíacas e derrame. No entanto, é menos claro se e como as dietas ricas em proteína estão relacionadas com a morte e com a longevidade.

Assim, pesquisadores do Irã e dos Estados Unidos colaboraram num projeto que examinou a ligação entre a ingestão de proteínas e o risco de morte. Eles estudaram as mortes em geral e as mortes devido a duas causas específicas – doenças cardiovasculares e câncer. Os cientistas encontraram 32 estudos, examinaram-nos e usaram modelos matemáticos para encontrar uma correlação.

A equipe internacional diz que o alto consumo de proteínas realmente reduz o risco de morte. A proteína vegetal, em particular, contribui para uma redução de 8% no risco de morte por qualquer causa e 12% no risco de morte devido a doenças cardiovasculares.

NOTÍCIAS AO MINUTO