Editora IFPB lança obra da coleção Reflexões na Educação

A Editora IFPB fez o lançamento digital do livro “Educação em Engenharia: Aplicações no Ensino em Engenharia” que tem dois professores do campus João Pessoa do Instituto Federal da Paraíba entre os organizadores. O livro foi organizado pelos docentes Ademar Gonçalves da Costa Junior, Alexandre Fonseca D’Andrea, ambos do campus JP do IFPB e por Carlos Alberto Dallabona e Elis Regina Duarte, que são da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR).

ABENGE, esta última apoiadora deste livro.

A obra é fruto da parceria entre a Editora do IFPB e o IFRJ, por meio de seu Programa de Pós-Graduação em Educação, fazendo parte da série didática “Reflexões na Educação”. Este é o 10º volume e teve o apoio da Associação Brasileira de Educação em Engenharia (ABENGE). A série didática é coordenada pelos professores Carlos Danilo Mirando Régis, diretor executivo a Editora IFPB e Giselle Rôças (IFRJ).

Os editores receberam 60 propostas de capítulos para o livro. O atual volume traz 11 capítulos com diversos autores da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica, contando com prefácio do prof. Vanderli Fava de Oliveira, presidente da ABENGE. Mas, já há outros 11 selecionados para publicação futura.

Os organizadores Alexandre D’Andrea e Ademar Júnior também escrevem o primeiro capítulo da obra, apresentando uma proposta metodológica para Aprendizagem Baseada em Problemas na área ambiental para o curso de Engenharia Elétrica. Foi um estudo de caso na disciplina de Ciências do Ambiente do curso de Engenharia Elétrica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba, no Campus João Pessoa.

O acesso ao livro pode ser feito gratuitamente pelo Portal da Editora do IFPB neste link. 

Segundo a sinopse, o propósito do livro é fomentar as discussões sobre temas recentes da Educação na Engenharia, trazendo contribuições para a implantação das novas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCNs) da área, estabelecidas em 2019, com os distintos relatos de experiências realizadas em diversas instituições de diferentes regiões do país, indicando uma nova formação para os seus futuros profissionais.

Um dos destaques é o uso de metodologias ativas de aprendizagem para este remodelamento dos cursos de Engenharias. A ideia é que o livro possa inspirar desdobramentos para a evolução do ensino superior nas Engenharias, atendendo às demandas do século XXI. As experiências abordam as Engenharia Elétrica, de Produção, Ambiental e Sanitária, de Controle e Automação, entre outras. Há capítulos abordando relatos do IFPE, Cefet-MG, Instituto Federal Catarinense, IFSP e IFMG.

Texto: Ana Carolina Abiahy – jornalista da DGCom / Artes: Fabrício Vieira – técnico artes gráficas da PRPIPG