Home / Política / Ex-prefeito de Itabaiana-PB é preso por contratar servidores fantasmas

Ex-prefeito de Itabaiana-PB é preso por contratar servidores fantasmas

Compartilhe:

A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta segunda-feira (17), a Operação Pote de Ouro: o mapa da mina, com o intuito de desarticular uma quadrilha suspeita de crimes contra à administração pública em Itabaiana.

+ TCE-PB aprova as contas do prefeito de Brejo do Cruz e impõe débito R$ 2 milhões à ex-prefeita do Conde

Dentre os alvos da ação está o ex-prefeito do município, Antônio Carlos, que foi preso em seu apartamento em João Pessoa.

O ex-secretário de Transporte, Adjailson Paiva de Andrade, e o ex-tesoureiro da cidade, Luiz Moreira Barros, também foram presos.

A Operação contou com a participação de vinte policiais. Os mandados de prisão e de busca e apreensão foram expedidos pela 2ª Vara Mista da Comarca de Itabaiana. As investigações são de Delegacia do município em parceria com a Promotoria do Ministério Público.

De acordo com a ação, os suspeitos haviam desviado recursos públicos da Prefeitura entre 2013 e 2016 através da contratação de servidores fantasmas e falsificação de cheques.

MAIS PB

Leia mais notícias da política

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe um Comentário

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.