Home / Policial / PM à paisana prende homem suspeito de esfaquear outro no sertão da PB

PM à paisana prende homem suspeito de esfaquear outro no sertão da PB

Compartilhe:

Na madrugada deste sábado dia 13 de abril de 2019, o policial militar do Bope, o soldado José Dário, prendeu em flagrante delito Rubismar  Augusto de Carvalho de idade informado e que reside no bairro dos Remédios em Cajazeiras suspeito de desferir um golpe de faca no peito de outro popular identificado Kedson Alexandre Pereira de 36 anos.

Leia também: PM de São Bento encontra esconderijo de indivíduos que ostentavam armas nas redes sociais

O caso foi registrado no bar Ponto do Petisco, e segundo informações, o militar estava de folga com seus amigos, quando avistou um homem jogado ao chão e o desespero de todos que ali estavam. De imediato se aproximou e preguntou o que estava acontecendo e avistou um homem correndo e todos dizendo que tinha sido uma facada.

De pronto o policial militar agindo com instinto de polícia, correu atrás do acusado dando-lhe voz de prisão e não deixando que ele conseguisse fugir do local. O soldado José Dário agindo dentro dos limites normais do cumprimento do dever a todo momento se manteve calmo na ação, mostrando seu preparo e que mesmo de folga não deixou de atuar como protetor da lei. 

O soldado ao conter o suspeito  solicitou a viatura da PM e ficou com o acusado até a chegada das guarnições do dia. A primeira viatura que chegou foi a do sgt Rivanilson, que de pronto efetuou a prisão em flagrante do investigado Rubismar  Augusto de Carvalho e relatou o fato na delegacia para que fossem tomadas as providências legais.

Já a vítima foi socorrida pelo SAMU para o HRC onde permaneceu internado.

Mesmo sozinho o soldado José Dário  arriscando sua vida agiu com o seu dever de policial e garantiu que a ação delituosa do investigado não ficasse em vão.

BLOG ÂNGELO LIMA

Leia mais notícias policiais

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.