Popular é morto a tiros dentro de oficina mecânica no bairro Bom Jardim em Mossoró

Francisco Jefferson da Silva “Rei do crime” de 19 anos de idade, morador da rua Anatália de Melo Alves no bairro Paredões, foi morto a tiros de pistolas calibres 380 e 09mm dentro de uma oficina mecânica no bairro Bom Jardim. Ele estava aguardando a liberação de sua motocicleta, quando foi surpreendido por dois criminosos que chegaram ao local num carro de cor branca.

O crime aconteceu no início da noite desta terça-feira, 29 de Dezembro, na Rua Prudente de Morais, próximo ao hospital Rafael Fernandes,  no bairro Bom Jardim, em Mossoró capital do Oeste do Rio Grande do Norte.

A polícia ainda não tem informações sobre os criminosos e nem a motivação para o crime, mas segundo informações, “Rei do crime” era acusado de envolvimento em muitos delitos com passagem pelo sistema prisional e era envolvido com facções criminosas, e já havia sofrido outros atentados.

Segundo a polícia, depois que executaram “Rei do crime” os criminosos gritaram “sabia que o seu dia iria chegar”, De acordo com a equipe de perícia criminal, foram efetuados mais de 20 disparos, mas a vítima foi atingida com cerca de 10 tiros e sem qualquer chance de se defender.

A Polícia Militar fez o isolamento do local, para os procedimentos de perícia das equipes da delegacia de plantão e do Instituto Técnico-Científico de Perícia, Itep, para onde o corpo foi removido e deverá ser necropsiado.

*Segundo a polícia, “Rei do crime” é uma alusão a um personagem de um filme de ficção e não às atividades criminosas da vítima.

O CÂMERA

Deixe uma resposta