Home / Política / TCE-PB aprova contas de sete Câmaras Municipais referentes ao exercício de 2018

TCE-PB aprova contas de sete Câmaras Municipais referentes ao exercício de 2018

Compartilhe:

A 2ª Câmara do Tribunal de Contas da Paraíba julgou, em sessão desta terça-feira (30), mais sete processos de prestação de contas de Câmaras Municipais, já do exercício de 2018. Os julgamentos estão seguindo o disposto na Resolução Normativa 01/2019, aprovada pelo Pleno e que garante, mediante emissão de parecer prévio e outros requisitos, celeridade na apreciação das contas anuais dos gestores das casas legislativas.

Leia também: Congresso dá R$ 2,8 bilhões aos parlamentares em 10 anos

O colegiado votou pela regularidade, à unanimidade, das prestações de contas anuais das Câmaras de Vereadores de: Pedra Lavrada, Frei Martinho, Assunção, Cajazeirinhas e Santa Helena. E aprovou também, com ressalvas, as das câmaras de Nazarezinho e Cachoeira dos Índios.

Embora compondo a pauta, os processos de prestações de contas, relativas ao mesmo exercício, das câmaras de São João do Rio do Peixe, Cajazeiras e Carrapateira ficaram para julgamento na próxima sessão. O adiamento se deu em virtude de pedido de vistas do Ministério Público de Contas, representado na ocasião pela procuradora Isabela Barbosa Marinho Falcão.

Análise de atos de licitações e contratos resultou no julgamento regular de pregão presencial nº 004/2018, da prefeitura de Santa Rita, destinado à registro de preços para locação de caminhões e equipamentos pesados, à serviço da Secretaria de Infra estrutura do município. A decisão inclui determinação de envio dos autos à Diretoria de Auditoria e Fiscalização objetivando acompanhamento da execução contratual.

A 2ª Câmara, sob a presidência do conselheiro Arthur Cunha Lima, realizou sua sessão de nº 2944, com as presenças, também, do conselheiro Nominando Diniz e dos conselheiros substitutos Antônio Cláudio Silva Santos e Oscar Mamede Santiago Melo. Pelo Ministério Público de Contas, atuou a procuradora Isabella Barbosa Marinho Falcão. 

ASCOM/TCE-PB

Leia mais notícias da política

Veja outras notícias em catoleagora.com

Deixe uma resposta

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.